Notícias

Voltar para Notícias Eventos | 22/08/2016 18:49:26

 

​​Estação Itaquaquecetuba recebe projeto que escreve cartas para usuários

 As cartas serão enviadas gratuitamente com foto do remetente tirada na hora

Não importa que o Correio informe que o volume de correspondências por pessoas físicas diminuiu 70%. As cartas manuscritas podem ter se tornado um hábito quase extinto, mas ainda não morreu. Nem mesmo o WhatsApp, e-mails, Facebook, Instagram e outros avanços tecnológicos conseguiram extinguir o prazer de escrever no papel.

A carta manuscrita é um meio carinhoso de comunicação com as pessoas amadas - sejam elas mãe, pai, filhos ou amigos. Elas suavizam a saudade de pessoas que estão longe. Pensando nisso, o projeto Ateliê de Memória e Narrativa, do Coletivo Estopô Balaio, escreverá cartas a pedido dos usuários da Estação Itaquaquecetuba para seus amigos e familiares. 

A iniciativa, que lembra o filme Central do Brasil, do cineasta Walter Salles, estará na Estação Itaquaquecetuba, na Linha 12-Safira, nesta quinta-feira, dia 25, das 10h às 13h. Quem passar pelo local, poderá ter suas histórias, sentimentos e recados registrados em cartas, para serem enviadas à pessoa escolhida pelo usuário. Junto à correspondência, também seguirá uma foto do remetente feita na hora com uma câmera Polaroid. 

Os integrantes do Coletivo Estopô Balaio chegam com o coração aberto, dispostos a ouvir as histórias daqueles que têm amigos e parentes distantes ou, simplesmente, desejam fazer uma declaração para a mãe, o pai, ou um grande amor. Sem nenhum tipo de censura ou restrições, as cartas serão enviadas para qualquer local, do Brasil ou do mundo, retratando qualquer tema, anseio ou pedido de ajuda.

Serviço

Ateliê de Memória e Narrativa do Coletivo Estopô Balaio
Local: Estação Itaquaquecetuba, na área livre, na passarela, em frente à entrada 
Datas: quintas-feiras dos dias 25/08, 01/09, 08/09 e 15/09, das 10h às 13h
Tags